Sped Fiscal – A Escrituração Fiscal na era digital.

Tempo de leitura: 2 minutos

0 Flares Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Nós brasileiros estamos “acostumados” com um processo lento e excessivamente burocrático em praticamente tudo. E o pior de tudo ainda é a constante mudança de normativas ou procedimentos que às vezes criam o desinteresse ou até mesmo o velho ‘deixa pra depois’.

A verdade é que muita coisa poderia ser melhorada. E de fato, para a contabilidade já existe uma Luz no fim do túnel, que se acendeu quando foi implantado a nível nacional o SPED Fiscal.

O Sistema Público de Escrituração Digital já é uma obrigação acessória para as contabilidades no brasil para a gestão de tributos, e seu maior objetivo é acelerar e facilitar a comunicação entre o Fisco e os contribuintes, economizando tempo e gastos para ambas as partes.

O SPED é composto por 3 vertentes específicas, que são:

– EFD – Escrituração Fiscal Digital

– ECD – Escrituração Contábil Digital

– NF-e – Nota Fiscal Eletrônica.

A Escrituração Fiscal Digital por exemplo, é obrigatória, e tem como objetivo informar todos os documentos fiscais e informações que os fiscos federais, estaduais e municipais precisam acompanhar.

O Sped Fiscal representa a escrituração fiscal da empresa, e deve ser apresentado conforme previsto na legislação tributária, e submetido ao Programa Validador e Assinador (PVA), que é fornecido pelo próprio Sped, e assinado por uma certificação A1 ou A3, emitido por uma entidade credenciada.

Não é surpresa dizer, que o SPED bem feito, cumprindo cada normativa, pode inclusive reduzir a carga tributária de uma empresa. Mais para isso, o contador precisa ter pleno conhecimento do sistema. É necessário acompanhar bem de perto as novas tendências tecnológica, e as constantes adequações do sistema tributário brasileiro.

Como ter conhecimento do sistema e métodos para trabalhar com o SPED FISCAL?
Os profissionais de contabilidade do Brasil já iniciaram sua capacitação e evolução nesta área, fazendo especializações em Auditoria e Gestão de Tributos, que é especificamente desenhada pensando nesta necessidade do mercado.

Dica importante,
conheça o MBA em Auditoria e Gestão de Tributos da Faculdade GAP em Anápolis.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *