Não sei qual profissão devo escolher. E agora?

Tempo de leitura: 3 minutos

0 Flares Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Na hora de escolher qual profissão seguir é comum surgirem muitas dúvidas. Afinal, foram anos como estudante, mas agora é o momento de aplicar o conhecimento na prática. A boa notícia é que existem formas mais fáceis para achar qual profissão escolher.

A primeira dica para essa hora é que você pode mudar de curso e de profissão nos próximos anos. É um peso que sai dos ombros, não é? Porém, será muito melhor acertar na primeira opção. Então, veja 3 dicas para identificar qual área de atuação é a mais indicada para você.

3 dicas para saber qual profissão seguir

Confira 3 passos para resolver a pergunta: qual profissão devo seguir? São técnicas simples, mas que você precisará colocar em ação para ver os resultados. Confira!

1. Inicie descobrindo suas paixões

Começou a analisar uma carreira pensando sobre qual tem o salário mais alto? Vamos conversar sobre isso. Ainda que sua opção seja atuar em algo que pague bem, se você não gostar realmente da área será uma tortura ter que estudar e trabalhar nesse campo todos os dias.

Sendo assim, o passo mais importante para ser feliz na carreira é descobrir suas paixões. Para ficar mais claro, veja 6 perguntas feitas pela coach de Alta Performance, Paula Abreu, em seu livro “Paixão: Modo de usar”:

  1. O que eu faria se não precisasse de dinheiro?
  2. O que me empolga?
  3. O que me faz feliz?
  4. Pelo que gostaria de ser lembrado?
  5. No que amo ajudar as pessoas?
  6. Quais dons eu tenho para dividir com o mundo?

Essas respostas serão o mapa para que você chegue até a profissão mais adequada ao seu perfil.

2. Identifique suas habilidades

Talvez você ache que esse item é parecido com o primeiro, mas eles têm diferenças. Você pode amar assistir a séries, porém não saber como essa paixão possa ser uma carreira no futuro. Por isso, é importante achar as suas habilidades. Ou seja, o que você é muito bom fazendo.

Há aqueles que são muito bons em falar com as outras pessoas, que podem seguir carreiras como jornalismo ou direito. Ou ainda, quem seja ótimo com liderança de equipes e pode atuar como um gerente. Veja o que seus amigos e familiares sempre te elogiam ao fazer.

3. Pesquise sobre a área com estudantes e profissionais

Agora que você já sabe o que gosta e em que é bom, é o momento de listar as profissões que reúnem essas características. No exemplo da pessoa que é comunicativa, o que seria melhor: jornalismo ou direito? Para achar essa resposta é preciso ir a campo e investigar.

Então, com a lista das carreiras que se encaixam com suas paixões e habilidades, comece sua pesquisa. Veja vídeos, leia matérias sobre essas áreas e, o mais importante, converse com estudantes e profissionais que já estão no mercado de trabalho. Assim você terá uma visão mais realista e prática.

Com essas 3 dicas, a dúvida sobre qual profissão seguir não será mais um problema em sua vida. Como você viu, é preciso um trabalho de reflexão e observação mais detalhado. Porém, investir nesse tempo de autoconhecimento economizará anos em um curso que você não se encaixa.

Para quem chegou até o fim do artigo, tem uma dica bônus: visite o trabalho ou a faculdade que você tem interesse em seguir. Se possível, assista a uma aula do curso. Com isso, você sentirá na pele como é o cotidiano de cada profissão.  

Se gostou das dicas, compartilhe com os amigos nas redes sociais para ajudar seus colegas a saírem desse dilema também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *