Os 8 Pilares da TPM – Manutenção Produtiva Total

Tempo de leitura: 3 minutos

0 Flares Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Os 8 Pilares da TPM - Manutenção Produtiva Total

Após o término da Segunda Guerra Mundial, a indústria de montagem sentiu a necessidade de uma maior modernização do maquinário para atender às novas necessidades diante do novo cenário. Com isso, as indústrias passaram a adquirir equipamentos mais sofisticados e também automatizados.

Isso tudo porque o foco das indústrias passou a ser a necessidade de produzir X produtos dentro de um determinado espaço de tempo. A questão da produtividade máxima se tornou cada vez mais o foco. Foi justamente a soma da produção programa com a automatização das ferramentas que fez o surgir o conceito de TPM – Manutenção Produtiva Total.

Vamos agora saber um pouco mais sobre ele e quais os seus 8 pilares a serem seguidos pelas empresas!

O que é TPM – Manutenção Produtiva Total?

A sigla TPM vem do termo em inglês Total Productive Maintenance. Ele surgiu por uma necessidade de as empresas reduzirem as perdas durante o processo de produção e, consequentemente, os custos dessa produção. É classificado como um método de gestão que visa a maximização dos ativos industriais e também garantir a máxima qualidade dos produtos com preços competitivos.

Quais os 8 pilares da TPM?

Para entender melhor sobre os objetivos e os motivos para utilizar a TPM na sua empresa, veja abaixo quais os 8 pilares desse conceito.

1. Manutenção Planejada

Tem o foco principal na eficiência e eficácia dos equipamentos utilizados pela indústria. Esse pilar atua nas manutenções paradas, preditivas e preventivas. As duas últimas têm como foco evitar as paradas do maquinário, já a primeira deve ser programada para não atrapalhar a produtividade da empresa.

2. Manutenção autônoma

Tem como objetivo capacitar e treinar a mão de obra para que se evite a deterioração dos equipamentos e também que saibam realizar as manutenções de rotina.

3. Manutenção da qualidade

É uma forma de controlar os equipamentos, de dizer o que eles devem ou não devem fazer. Isso pode ser realizado por meio de inspeções automáticas e também de inspeções de qualidade. Por exemplo, os softwares são ótimos exemplos do que pode ser utilizado nesse pilar.

4. Melhorias específicas

O ideal é que a indústria tenha um tipo diversificado para identificar problemas nos equipamentos e reduzir danos específicos. Assim, é interessante montar uma equipe com engenheiro, manutentores e operadores.

5. Controle inicial

Visa aumentar a produtividade reduzindo o tempo de introdução do produto e também de todo o processo de produção. Ocorre uma análise minuciosa do produto antes que eles sejam fabricados ou mesmo instalados.

6. Treinamento e educação

Um dos grandes problemas da indústria atual é a falta de mão-de-obra especializada, especialmente quando o assunto é indústria 4.0 em que o conhecimento em tecnologia é fundamental.  A educação e o treinamento dos funcionários deve ser constante.

7. Segurança, higiene e meio ambiente

Esse pilar visa reduzir os acidentes de trabalho. De acordo com dados do Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho, só em 2017, 1 pessoa morreu a cada 4 horas e meia devido aos acidentes de trabalho. Além disso, a empresa também deve reduzir os impactos ambientais.

8. Áreas administrativas

É preciso suprir o setor administrativo da empresa de informações e materiais necessários. Afinal de contas, é por meio dele que novos funcionários entram na empresa e demais tarefas relacionadas à produção e qualidade são executadas.

Se você trabalha na área de Engenharia de Manutenção, precisa entender muito bem sobre a TPM. Para isso, nós da Faculdade Gap temos um MBA em Engenharia de Manutenção que aumentárias os seus conhecimentos sobre esse e vários assuntos necessário para o seu excelente desempenho profissional.

Quer saber mais sobre o nosso curso? Então, acesse o site e tenha todas as informações que precisa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *